domingo, 13 de dezembro de 2009

Será que é desta que aprendem?

Ha jogos que de tão previsiveis se tornam pateticos. Hoje tivemos um remake da nossa visita a braga, tal como era de prever, claro. O olhanense limitou-se a aplicar a receita utilizada por todas as filiais corruptas contra o SLB, confusão, provocações e picardias. Pela enésima vez os nossos jogadores deixaram-se levar e o resultado foi a perda de 2 pontos e 3 jogadores para defrontar o fcp.
Já aqui tinha referido que a evolução tecnico-tactica dos nossos jogadores não tinha tido a respectiva consonância a nivel emocional. Jogadores como Di Maria, David Luiz e Cardozo continuam a envolver-se em picardias desnecessárias que apenas resultam em desconcentração e cartões amarelos e vermelhos. Hoje a atitude de Di Maria ao agredir um jogador em frente ao 4º arbitro com o SLB a perder é absolutamente inqualificavel, digna de um qualquer Kandaurov. Dir-me-ão que não vale a pena crucificar o puto que é novo e o catano. Eu respondo que quem custou 7 milhões de euros, renovou há pouco tempo e esteve 6 jogos suspenso de jogos internacionais pelas mesmas razões merece punição exemplar. Da minha parte irrito-me com passes falhados, remates desviados, cortes deficientes, mas fico absolutamente fora de mim quando vejo atitudes destas. Não consigo perdoar.
É verdade que os 2 golos olhanenses foram obtidos por um jogador que tem 20 anos de fcp, o Duvidoso, mas o único culpado deste empate é o SLB pois entrou em campo a pensar no fcp e esqueceu-se que já o estava a defrontar. Não se acautelou e deu barraca............... uma vez mais.
PS - quanto às cadeiras partidas, penso que os 65,00 Euros que custavam os bilhetes devem chegar para pagar as putas das cadeiras. O preço dos ingressos foi uma vergonha e isto só vai lá quando a direcção do SLB exultar os benfiquistas a não irem ver o SLB fora. Chega de mama, chega de chulagem. Vivem as nossas custas e lambem os tomates ao pinto da costa. Os benfiqusitas devem guardar o dinheiro para encher a Luz de 15 em 15 dias. Sem os adeptos do Glorioso nenhum clube sobrevive.

6 comentários:

Dylan disse...

Acho que isto foi uma cópia do jogo da Trofa, na época passada. Desta vez não perdemos mas não auguro nada de bom para o nosso clube...

Bruno Venâncio disse...

O árbitro não teve influência no resultado, na minha opinião. O jogo acabou com 5 amarelos para cada lado e 2 vermelhos para o Olhanense e um para nós. O livre que dá o primeiro golo do Olhanense nasce de falta inexistente de Ramires, mas um minuto antes tinha havido um livre igual para nós (mal assinalado). Portanto, por aí estamos quites. Deixam-me algumas dúvidas o golo do Toy, mas é muito semelhante ao do Nuno Gomes. E na expulsão do Djalmir, até podemos estar agradecidos, pois Cardozo, que é muito burro, podia perfeitamente também ter sido expulso. Di María é o que venho a dizer há muito tempo: muito potencial, muito talento para ser explorado, mas ainda lhe falta tanto, tanto, para ser um bom jogador. É um miúdo burro e imaturo. Não tem ponta de inteligência. O árbitro fez o que podia e devia. Aliás, Carlos Fernandes nem lhe fez nada naquele lance que justificasse uma atitude daquelas. Indescritível. Só o amarelo a Coentrão é que acho forçado, mas sinceramente, foi na linha de toda a arbitragem, que considerei boa. Esteve coerente com o que vinha a fazer até então. Burro foi o Jesus em pôr o Coentrão mais a defender quando sabia que já nem ia ter o Di María no jogo com o Porto. Isto sim é ter falta de visão. E se quisermos ser imparciais a sério, David Luiz também deveria ter sido expulso, ou amarelado, no mínimo. E não foi. E o Miguel Garcia acabou por ser por tirar de esforço. Portanto, na minha óptica, não temos de nos queixar do árbitro. Temos antes de criticar a atitude com que a equipa entrou no jogo, na minha óptica totalmente incorrecta. JJ não soube galvanizar a equipa para aguentar psicologicamente este jogo. Viu-se desde o 1º minuto que os jogadores estavam todos condicionados a pensar no jogo com o Porto, e como cada um se aguenta psicologicamente de formas diferentes, tivemos a resposta sobre quem é maduro e quem não é. Cardozo mostrou que não é (e já tem 26 anos). Di María é um puto estúpido. E David Luiz teve sorte porque conseguiu dissimular uma agressão. É nisto que temos de ponderar. A culpa dos insucessos é sempre do treinador, sempre defendi isto. E hoje foi de novo. Apenas e só. Esta é a minha opinião. Curiosamente, os meus comentários iguais a este foram banidos do blog Anti-Tripa, e acusaram-me de ser... portista e que só criticava o Benfica. Acham normal? Eu não. Estou a defender os interesses do meu clube, os verdadeiros interesses, que não se baseiam só em pensar que os árbitros estão todos contra nós. Eu tenho outra filosofia de estar na vida, e de estar no desporto.

Dogus disse...

caro bruno venâncio, dá para desconfiar realmente... sabe porquê? porque dizer que não há problema por um livre mal marcado ter dado golo quando no minuto anterior há um que não dá em nada... acha normal? E dizer que o David Luís dissimulou uma agressão? Não percebi se se refere ao facto de ele se ter levantado para ir jogar, ou de ter gfingido ter levado uma entrada a dois pés, a matar...

De resto concordo com muito do que diz, desde o Di Maria, aos dois golos duvidosos... mas esqueceu-se de dizer que o Anselmo também esteve na confusão e que tudo foi gerado por uma entrada duríssima por trás (para VERMELHO) do Castro. Esqueceu-se de ver isso ou baixou a cabeça como o Domingos?

Aliás, toda a crítica esqueceu essa entrada. São todos quase unânimes em escrever que o Cardozo também devia ter sido expulso (e o Anselmo?!?). Até conseguem dizer que o golo do Nuno Gomes é em fora-de-jogo mas dão benefício da dúvida ao do Toy...

Enfim, comentadores comprados, tal como alguns jogadores adversários e muitos árbitros... jogar constantemente contra 12, 13, 14 é lixado...

197145 disse...

Concordo com o post.

O Benfica que tenha juízo e garra, e que mostre que tem capacidade para ser campeão.

Bruno Venâncio disse...

Nunca na minha vida alguém pôs em causa que eu fosse benfiquista. Agora porque acho que não fomos roubados neste jogo já sou portista. lol. Realmente... Fica aqui o meu blog se quiserem ir ver. gloriosachamaimensa.blogspot.com
São 90 posts de puro benfiquismo.

Sim, disse isso e continuo a dizer. Porque só por acaso é que esse livre deu golo. Se o nosso tivesse dado golo, hoje não estávamos a falar de erro do árbitro a nosso favor, pois não? E eu sou contra isso. O livre deu golo por erro defensivo nosso, assim como o 2º. É sobre isto que o treinador tem de se debruçar, e não andar a ver se era falta ou não. Aquela falta qualquer árbitro marcava, fosse para que lado fosse. E, a dar-me razão, está o livre assinalado para nós um minuto antes. Se tivesse dado golo éramos nós a ser beneficiados. E na minha opinião não era benefício nenhum, porque era uma falta que qualquer árbitro marcava. Aquele marcou as 2. Uma delas deu golo, a outra não. Muito demérito da nossa defesa, isso sim.

David Luiz estava a ser agarrado numa perna e com o pé dá um chega-para-lá em Garcia. Ora, um chega-para-lá com o pé é, no mínimo, para amarelo. Se o árbitro tivesse visto podia muito bem mostrar amarelo e lá ficávamos sem ele para o jogo com o Porto. É isto que eu digo que não pode acontecer. Os jogadores não podem ser burros desta forma, assim como o treinador tem de os fazer perceber isso. É isto que eu defendo.

Quanto ao Anselmo, sim, deveria ter sido advertido na mesma medida do Cardozo. Mas falando do nosso jogador, e de acordo com quem diz que o árbitro só nos queria roubar, o que acho é que se isso fosse verdade, ele tinha expulso facilmente o Cardozo. Era só querer. E, quanto a mim, mostrou aí a sua imparcialidade, não fez o que se calhar outros fariam. A entrada do Castro era para vermelho, mas todos sabemos que em Portugal nenhum árbitro aos 26 minutos mostra vermelho num lance daqueles, é sempre amarelo. Ontem não ia ser diferente.

Quanto aos seus 2 últimos parágrafos, concordo plenamente, mas sou da opinião de que o Benfica tem de ser superior a tudo isso dentro de campo, porque temos muita qualidade para isso. E ontem podíamos perfeitamente ter ganho o jogo, não fossem erros nossos. É esta a minha opinião.

Dogus disse...

Bruno, devo então pedir-te desculpas por ter duvidado. Podia ter evitado pelo menos a desconfiança, bastando para isso consultar o teu blog...

Em todo o caso, continuo a discordar de algumas coisas. O que não invalida que estejamos ambos no mesmo barco! E por isso, um abraço!