sábado, 3 de dezembro de 2011

Uma derrota colocada em perspectiva

Sempre que o SLB perde eu fico fodido e mal durmo, seja uma derrota no campeonato, na Taça, na Taça da Liga na Champions ou particulares. Gosto de ver o SLB ganhar e gosto de festejar títulos, mas há uns que gosto mais que outros.

Quando penso nas competições mais importantes na epoca, lembro-me smepre do campeonato e da competição europeia que disputamos. Nestas competições as derrotas doem-me a triplicar. Pode ser criticavel a minha opinião, mas não tenho grande apreço pela Taça nem pela Taça da Liga. Gosto de as conquistar? Claro que sim. Quando o SLB as conquista saio em romaria para a rua? Não.

Entendo que apelidem a Taça de "festa do futebol português", mas não a sinto como tal. Para mim a verdadeira festa do futebol português é a festa da conquista do titulo de campeão e é nessa que me desvario completamente da marmita. Talvez me flipasse mais numa conquista europeia, mas por enquanto ainda só vi presenças em finais, portanto não tenho termo de comparação. Agora uma Taça de Portugal ou uma Taça da Liga são, para mim, competições menores e não as vejo com grande entusiasmo.

Tudo isto apenas para dizer que, sim senhores, fiquei fodidissimo com a derrota de ontem, mas ficava mais fodido se tivéssemos ganho ontem e perdêssemos no próximo fim de semana para o campeonato. E muito sinceramente, desde que a nossa equipa saiba identificar os erros de ontem, penso que o nosso último resultado nos poderá ter garantido 3 pontos na nossa próxima visita aos barreiros, já na próxima jornada do campeonato nacional. E convenhamos, esta é que é a competição mais importante da época.

15 comentários:

Carlos Alberto disse...

Muito bem perspectivado...

Anónimo disse...

olha eu gosto muito da taça de portugal e ja tenho saudades de ver o benfica no jamor, nao sei de onde es,mas eu sou aqui de espinho e quando o benfica ganhou a ultima saimos todos á rua em peso,e foi uma festa bem bonita,por isso fiquei mesmo fodido.muito mesmo

Exilado disse...

Eu estou desolado por, mais uma vez, o grande Benfica estar arredado de uma final do Jamor. Em relação ao post matinal, sim o Jesus, deve promover a rotatividade do plantel, mas este jogo era claramente mais importante que o de quarta. Errou o alvo...

Manuel disse...

Discordo totalmente do Exilado. O jogo de 4ª e a Champions são muito mais importantes do que a Taça. Embora também tenha ficado muito triste com a derrota. Mas alguma vez tinha de ser.

Penso que na 4ª feira é muito importante - é indispensável - ganhar, primeiro porque ganhamos logo ali 800.000€ e depois porque vencemos o grupo, o que nos traz muito prestígio - ficar à frente do MU não é para todos - e os proveitos futuros que isso nos pode trazer, dadas as maiores probabilidades de passar a eliminatória seguinte. O que nos aumenta o prestígio - e o Benfica bem necessitado está dele - assim como dos proveitos que isso nos irá trazer. Pois é com dinheiro que podemos comprar melões. E quanto mais dinheiro melhor jogadores podemos comprar. Ou não será assim?

O prestígio e a imagem do clube são muito importantes. Quanto mais prestígio mais vontade os bons jogadores têm de jogar no Benfica. E isso por vezes é importante, especialmente quanto estamos a competir com outros clubes para a aquisição do mesmo jogador. Não sei se me faço entender...

Mas isso muitos benfiquistas não pensam. Pensam no agora, mas não pensam no futuro.

SC disse...

Independentemente do jogo de 4f tínhamos que ter ganho ontem..isto é o BENFICA!!!!!!!!1
Não concordo,prefiro perder numa competição que de para recuperar e não numa que seja a eliminar.
Mas tendo jogadores no plantel como Saviola e Emerson é complicado pedir mais.
De Todos Um!!!!

Exilado disse...

Caro Manuel, eu não disse (nem pensei) que a Champions é menos importante! Acho é que o Benfica precisava de estar na máxima força na Madeira. O Otelul (ou lá como se escreve) é inferior ao Marítimo, jogamos perante o nosso público e, mesmo em caso de derrota, não haverá eliminação! Agora temos uma equipa com a moral beliscada... Jesus ponderou muito mal.

Anónimo disse...

pois,pois...a champions nao temos direito a nada a taça ja ae foi a liga zon ai ai ai...odeio-te jj vaidoso imbecil de merda tiveste medo em ir a alvalade os cobardes como tu xeiram-se a kms ..era tao bom um domingo no jamor ganda fdpu. slb aste la muerte.

Anónimo disse...

A Taça não interessa?

Pois...

"Estão verdes, não prestam..."

Manuel disse...

Eu não disse que a Taça não interessa. Claro que era importante ganhar e em condições normais ganhávamos. O Marítimo nem nos próximos 100 anos faz 2 golos iguais. E quantos falhámos? A culpa disso é do JJ?

Mas se hipoteticamente me dessem a escolher entre o Otelul e a Taça escolhia o primeiro sem sombra de dúvidas. Embora nem seja isso que está aqui em causa.

Se não renova a equipa é porque não renova e se renova é porque não devia ter renovado. Enfim, preso por ter cão e preso por não ter. E o que tem a derrota a ver com a hipotética vaidade do JJ? Agora até já arranjam "qualidades" para o treinador para cura da azia.

Importante é ganhar ao Marítimo para o campeonato. E se tivéssemos ganho ao Marítimo agora e perdido para o campeonato ficando a 3 pontos dos andrades? Preferiam isso? Eu não.

Acho que temos de aceitar as derrotas como uma coisa natural, como fazem os maiores clubes do mundo, por exemplo. o Barcelona, o RN, o MU, etc. Quem pensam os benfiquistas que são? Não há clubes invencíveis. Só nas cabeças de megalómanos ou de fanáticos.

Marshall disse...

Concordo contigo Constantino. Só um senão, o Benfica aumentou consideravelmente a probabilidade de risco de não ganhar nenhum troféu esta época. E não me agrada a ideia de ver o Sporting festejar a vitória na Taça de Portugal (porque sim... eles celebrariam qualquer troféu como se fosse o último, o que, na verdade, poderia mesmo ser) e o Benfica ficar mais um ano a ver passar navios. No entanto estou convicto que esta derrota foi um wake up call e que o Benfica vai encarar o resto do campeonato à campeão, ou seja, a arrebatar impiedosamente 3 pontos em todo o lado, principalmente na própria casa.

Bcool973 disse...

Constantino, pó caralho. Foda-se que perspectiva de merda é essa ? Estou a ver que viste poucas finais ao vivo. Comparar a Taça de Portugal com a taça da liga é comparar uma competição quase centenária, se a juntarmos ao Campeonato de Portugal então há mais edições que o Campeonato. É certo que tem um pouco menos de valor que o Campeonato, mas foda-se, aqueles domingos à tarde, que começam logo de manhã, em crescendo, com mines, com bifanas até ao futebol às 5 da tarde num solarengo Domingo, à hora em que o futebol deve ser jogado na primavera são normalmente tardes gloriosas. No campeonato uma derrota pode-se corrigir, na taça só podes corrigir uma derrota nas meias-finais, caso contrário ficas de fora, e muito da nossa glória advém também de sermos o clube mais titulado na Taça de Portugal.
Sim a culpa é do JJ que permitiu ao intervalo que se baixasse a intensidade de jogo. Se eram capazes de criar perigo como criaram nos últimos 10 minutos, o que andaram a fazer durante 35 minutos na segunda parte ???

Bcool973 disse...

Compara a Taça de Portugal com a taça da liga é comparar uma rosa com uma erva daninha

max disse...

Boas!

Nem sequer li os outros comentários.
Mas é só para dizer que concordo contigo, e essa já era a minha perspectiva antes do ínicio do jogo.
Quero que o benfica ganhe sempre, mas um dos problemas muitas vezes é estarmos em todas as frentes ao mesmo tempo, e depois fruto do desgaste não atingimos nenhum objectivo...
Assim acho que poderá ser uma vantagem estarmos já afastados da taça e podermos concentrar-nos mais na champions e campeonato.

Cumps

Constantino disse...

Meus caros,

Para que não subsistam dúvidas: eu prefiro acabar uma epoca "só" com a vitoria no campeonato do que ficar em 2º ou 3º no campeonato e ganhar taça, taça da liga e supertaça.

Abraços.

Bcool973 disse...

supertaça e taça da liga para mim são competições menores e sim prefiro ganhar o campeonato à taça, mas se puder juntar o campeonato à taça é sinal de época perfeita