segunda-feira, 25 de junho de 2012

Todo um sentimento benfiquista

Nas sociedades ditas modernas, a irracionalidade é vista como um defeito grave... excepto se a mesma for característica de um adepto de futebol. Alguém da Protecção Civil dizer na televisão que nestes dias de extremo calor deve-se evitar beber bebidas alcoolicas, incluindo nas mesmas a jolinha fresca numa esplanada junto à praia é visto como uma aberração intelectual digna de figurar no guião de uma novela mexicana realizada e produzida pelo elenco do Duarte e Companhia. Em contraponto, haver maralhas de gente que acredita que pode ser campeã nacional juntando Paredão, Marcelo, King e Hassan é visto como um momento de comovente paixão clubística, quase digna de uma Águia de Ouro e de uma moldura vermelho aveludada de oferta para emoldurar o diploma de contribuição para a Operação Coração, a fim de o pregar à parede ao lado daquele Roy Liechenstein comprado na Marina de Vilamoura. 

A irracionalidade como característica intriseca do adepto de futebol, já é quase uma lei universalmente aceite. Um monte de gente assalta estações de serviço, paga com notas falsas, escreve livros sobre isso e o resto da sociedade sorri timidamente e desculpa... "oh... deixem lá, são adeptos de futebol... e são tão fofinhos...". Contrariamente à irracionalidade, o rancor é algo muito mal visto entre a população que navega à volta do fenómeno futebolístico. Ódio sim, é visto como um sentimento digno de um adepto de futebol que se preze, coisa de macho alfa, como se impõe aqueles que recebem 90 minutos de chuva torrencial com mais gosto do que o que demonstram quando a tia emigrada na Suiça há 30 anos lá vai jantar a casa. Odiar um ponta de lança que marca 25 golos por época é aceite como natural, vindo de quem vem... toda uma panóplia de adeptos sedentos por vitórias e mais do que "marcar golos, esse pormenor da modalidade. Isto era mesmo bom era se o gajo corresse depressa". E ninguém argumenta.... mas rancor... ui, isso é entrar no campo da incompreensão, da criancice e da estupidez.

É neste ponto que eu me distingo da maioria dos adeptos... sou extremamente rancoroso. Quando era puto, a minha mãe comprava pacotes de broas de mel partidas, porque eram mais baratos do que os pacotes de broas inteiras. Sempre odiei bolachas ou bolos partidos e de cada vez que ela me entrava com aquele saco de broas escavacadas, deixava-me piurso da vida, a ponto de ficar duas horas quase sem falar à minha cotinha. Foi de tal forma que a dada altura ela começou a comprar um pacote de broas inteiras e um pacote de broas partidas. Só assim resolveu a crise familiar. Mas nisto do rancor, se há coisa que me vai directamente ao sistema nervoso, sem passar pela válvula mitral, é tudo o que implica o Maior do Mundo.  


Não há como colocar paninhos quentes na coisa ou amenizar o sentimento, sou rancoroso especialmente com tudo o que mete o Meu Clube. Se me falarem de gente que está no Meu Clube e quer ir embora, os meus níveis de rancorismo trepam pelo termómetro acima até chegar a um ponto em que não há mais espaço para o mercúrio. Chego a somar ao rancorismo o síndrome de Tourettismo, apenas em casos especi... FILHO D APUTA DO PAULO SOUSA...ais. Não acontece com grande frequên... ARTUR JORGE DEVIA SER ATROPELADO POR UM CAMIÃO DO LIXO DESGOVERNADO...cia, mas de vez em quando surpreende-me e não tenho como evi... SÓ DESCANSO QUANDO CONSEGUIR FOTOGRAFAR O INTERIOR DA CARÓTIDA DO VALE E AZEVEDO... tar. Limito-me a pedir desculpa quando acontece.


Sendo eu tão rancoroso, tenho dificuldades me entender como pode um adepto do SLB desculpar tipos que  forçam a saída do SLB. Filhos da mãe a quem é dada a hipótese de cumprir o meu sonho de vestir a camisola das papoilas saltitantes, e que depois de o conseguirem forçam a mudança, inscrevem o seu nome na minha lista do rancor, que reparem, é pior do que a do ódio... porque o ódio passa, o rancor não... este mói lá dentro, tipo cárie dentária e não há colgate que o lave. De entre os membros da lista, o numero 1 é sem dúvida manuel fernandes. Tipo formado no SLB, a quem tudo deve, mal se apanhou na equipa principal pediu para sair e foi para o... Portsmouth... para o Portsmouth... e isto não é mesmo nome de elixir bucal, por muito que inclua "mouth". Portsmouth é uma equipa com problemas financeiros ainda mais graves que os lagartos (pasmem-se, sim, existe a categoria Pior Financeiramente que os Lagartos). Quando foi recambiado para a Luz, esteve 3 semanas e pedir para cavar daqui outra vez. Desta vez foi para Espanha, antes de embarcar para o outro clube da categoria Pior Financeiramente que os Lagartos.


Portanto, o tipo formado no SLB não pediu para sair do Glorioso uma vez... pediu DUAS VEZES... duas vezes. E mesmo assim  todo o santo defeso não falta por ai benfiquista que não tenha erecções permanentes de cada vez que o nome dele é associado ao Glorioso. A mim cria-me urticária nas virilhas de cada vez que isto acontece, apenas e só porque já li e reli os estatutos do SLB e em lado nenhum diz "Quando um miserável mal agradecido forçar a saída do SLB por duas vezes, deverá a direcção em exercício proceder à contratação do mesmo miserável a fim de lhe dar a oportunidade de forçar a saida por pelo menos mais uma vez, até porque isto das traições é como os campeonatos, quantos mais, melhor". Quanto a mim, tenho bem presente que em vez de chamar manelelé ao rapaz, como fez o Mourinho, prefiro chamar-lhe manelálá... lá lá bem longe da Luz. E modéstia à parte, este é um sentimento que nutro por ele é de puro benfiquismo.

14 comentários:

FS disse...

Não entendo tanto rancor... pois além deste, para compor o ramalhete, ainda vais ter de levar com o Miguel.
;-)

DeVante disse...

E o Simão? Também pediu para sair não? Ah, este não é formado no SLB, mas foi capitão...

Constantino disse...

FS - vejo a hipotese Miguel como sendo tão obscena que nem a considero plausivel e como tal nem é passiva de ser comentada.

DeVante - do Simão já aqui escrevi e também não sou grande apologista do regresso. Apesar de tudo, o facto de ter formação lagarta atenua um poucoo rancor. Gajos que eram nada antesde passarem pelo glorioso e se comportam como o badameco ou o fernandes é que para mim não merecemo ar que respiram

Abraços

Claudio Ramos disse...

Gostaria de partilhar o link do meu blog com o seu:

http://euacardito.blogspot.com/

Abraço

benfiquista a serio disse...

caro tino,

concordo 100% consigo. gajos que não nos respeitaram não merece o nosso respeito.

ainda não percebi o porquê dos regressos dos traidores jorge ribeiro e pepa. mas ainda há outro que parece ter credito para regressar, o nulo gomes. um gajo que apesar de ser dispensado pelo treinador mas com garantia de regresso para a estrutura nunca poderia ir para o braga, essa falta de respeito por nós benfiquista não pode ser esquecida.

só seremos respeitados quando nos dermos ao respeito. por isso, são sempre contra estes regressos.

joão carlos disse...

concordo plenamente nunca percebi porque se desculpa o MF, ele não pediu para sair forçou das duas vezes a sua saída.
O Simão é um caso diferente, pediu para sair, provavelmente mas se o Benfica lhe paga-se o que o atlético lhe pagou tinha saído, se calhar não, e uma coisa ´e pedir outra é forçar.
Não percebo agora essa má vontade para com o Nuno Gomes, ele não quis sair mandaram-no embora e foi para braga quriam que ele fosse para onde para a união de leiria?

DeVante disse...

Ah, pois, nesta mesma teia deves incluir o Nulo Golos, acertei?

ACandeias disse...

Pura coincidência?
Temos os mesmos ÓDIOS de estimação!
Paulo Sousa, Artur Jorge e Vale e Azevedo? Nem sei se não era melhor o próprio estado português retirar-lhes a nacionalidade.... no meio de tantos TRAIDORES, estão são sem dúvida, do PIOR!

Anónimo disse...

O Benfica não precisa de cães vádios na sua equipa. Essa gente (se lhe posso chamar gente !!!) para bem longe !!!!! e para onde passem o mais mal possível.....

Pêro Botelho disse...

Completamente de acordo.

Manuel Fernandes - como diria o outro - jamé!

benficasempre disse...

Será que podem meter gosto na página Chama Imensa no facebook? Agradecia imenso, obrigado!

http://www.facebook.com/achamaimensa?ref=ts

Mr Smith disse...

Grande texto Constantino.

Até parece que me leste os pensamentos.

Queria só dizer umas coisitas relacionados com os coments, no caso do Manuel Fernandes, um gajo que tinha tudo para ser um dos grandes capitães do Glorioso, força a saída para clubes de merda só por causa do dinheiro??? e 2 vezes??? é CÃO QUE MORDE A MÃO QUE LHE DÁ DE COMER, é como tu dizes ...lá lá longe..só voltas á Luz para levar 3 ou 4 secos no pandeiro e uma chuva de assobiadelas.

O Nuno Gomes que tenha a santa paciência, tenha ele e os meus caros Benfiquistas, é assim, não é por um gajo ter história num clube que temos que gramar com o gajo até ter cabelos brancos...para isso ainda tinhamos lá o Magnusson (meu herói quando era puto) com 150 quilos. O Nuno chegou ao fim tinha que entender isso, ele, os Benfiquistas, o Mantorras e muitos mais....mas ao Nuno foi lhe proposto um lugar na estrutura directiva do Benfica, mesmo assim preferiu ir para o banco do Braga.

Foda-se, eu não trocava os bancos dos clubes todos do mundo (até porque nem espaço tinha cá em casa) por um lugar de destaque na estrutura do Grande Amor da minha Vida....esse é outro...lá lá longe.


O caso do Simão é diferente, e não gostei muito de o terem incluído no mesmo saco.

Eu também sou dos que concorda que o tempo dele já passou e apesar dele só ter 32 anos acho que temos melhores jogadores para a posição dele sendo que o seu ordenado para um jogador pior que os que lá estão, é proibitivo.

Mas, vou explicar porque o caso dele é diferente, eu conheço pessoalmente o Simão e a sua família, e a história da saída dele do Benfica nunca foi bem entendida pelos sócios e adeptos. O Simão não forçou a saída para o ATL Madrid, antes pelo contrário, ele não queria era ir para lá, foi praticamente obrigado pela necessidade que o Benfica tinha do encaixe financeiro. Ele aceitou ir para o A. Madrid devido ao seu grande relacionamento com o Vieira e acima de tudo o seu grande Benfiquismo.

Acho injusto colarem-no nesse lote dos mercenários da bola quando não foi esse o caso.

Mas mesmo em relação ao Simão e apesar de como já disse não concordo muito com a vinda dele pelos motivos que já referi, devo dizer que um dos melhores do Benfica tem 32 anos, tal e qual como o Simão, anda o M Utd atrás dele e joga á bola pr'o Mundial....El Mago.

Fiquem Bem.

xirico disse...

Pois eu ainda me lembro que em um torneio do Guadiana o cabrão,no fim do jogo,trocou de camisola com o Veloso e vestiu a camisola do Zporting.Eh pá fiquei-lhe com um ódio que nem o posso ver.

joão carlos disse...

xirico, não por isso, que tambem existem imagem do eusebio com a camisola do sporting numa final da taça e o nene foi receber uma taça de portugal com a camisola dos porcos depois de lhe ter espetado dois