segunda-feira, 4 de outubro de 2010

SLB 1-0 braguinha do augusto "amiguinho" duarte

Num jogo entre duas equipas que têm sido caricaturas do que foram na época passada, venceu a que foi feita por um caricaturista profissional na Feira de BD da Amadora, contra uma que foi feita pr um caricaturista da Feira de Castro Verde (ah as saudades de comprar armazéns de sapatos para o ano inteiro nesta filha da mãe de feira).
De todo um jogo de 98 minutos (óh duarte, mas agora a APAF paga horas extras é?) o momento que saltou mais à vista e que vai motivar protesto do braguinha aconteceu no final do jogo: então o árbitro não deu as insignias ao choramingas? Quer dizer, mostra amarelos patéticos ao Luisão e ao Javi (alguém me explica o que fez o espanhol?) e no fim não dá as insignias ao técnico? Querem ver que temos bronca no balneário do braguinha? Será que o choramingas é que ficou de dar algo ao duarte?
A verdade é que foi uma bela jogatana. Ambas as equipas se apresentaram desfalcadas de elementos fulcrais: no SLB faltavam Amorim, Cardozo e Balboa, o verdadeiro substituto do Ramires (ahahaha hoje estou danado para a galhofa), no braguinha notou-se a ausência de rodriguez, miguel garcia e artur soares dias. Contudo ambos conseguiram mascarar estas limitações, graças ao espirito de luta do Kardec e aos maneirismos estranhos do duarte gomes (pela enesima vez a inclinar a relva da Luz).
Quanto ao jogo jogado, o SLB foi sempre mais equipa, teve mais oportunidades (ouviste choramingas, o SLB é que teve mais oportunidades, meu pitosga azulado), jogou para ganhar e demonstrou uma grande atitude, que valeu em alturas em que a bola pareceu um bocadinho triangular. Os principais destaques do "time" encarnado (*) (asterisco para verem no fim) (optei por legendar o asterisco porque é a rimeira vez que o utilizo) Roberto, que denota melhorias técnicas avassaladoras, especialmente no capitulo dos cruzamentos (limita-se, por agora, a não sair, o que é bom), Luisão que está numa forma tremenda e por isso tem sido presenteado com os amarelos mais idiotas do ano, concerteza a ver se o excluem do estadio com muitos paneleiros (palavras de joaquim oliveirinha) e Carlos Martins que a cada jogo mostra que a sua exclusão do Mundial foi uma injustiça tremenda, jogando e fazendo jogar, para além de mostrar uma raça muito à Benfica. Só um conselho Carlos: acalma que viver um jogo a 300 km/h de certeza que faz cabelos brancos.
Da parte do braguinha, confirmou que não é candidato ao titulo por diversas razões. Acima de tudo porque este ano o sistema apostou noutro cavalo. Depois porque lhe falta qualidade. Há ainda o problema (para eles) de que têm cada vez menos jogadores que passaram pelas mãos do JJ (basta ver que naquele buraco a que chamaram defesa, so o moises foi jogador do JJ, e nota-se bastante). Por fim, porque na Luz demonstrou que o seu principal objectivo não era manter a diferença para o braga B, mas atrasar o SLB na luta pelo titulo. Assim, eles que se entendam com o belenenses do lumiar que são os 2 farinha do mesmo saco.
(*) - num jornal da tarde que não me lembro qual o canal, o pivot referiu-se ao SLB como os "encarnados de Lisboa". Bom, meu rapaz, só para que não haja duvidas, ate porque sei que lês este blog (nem me lembro quem és mas sei que lês): não há mais nenhuns encarnados, são só mesmo os de Lisboa!!! Todas as outras equipas que equipam de vermelho são.... vermelhos ou coisa parecida. "Encarnados" é só o Glorioso Sport Lisboa e Benfica, minha ameba.
PS - momento twillight do jogo: rui casaca é expulso por protestar com o árbitro pela demora do Kardec em sair do campo. Isto depois de vandinho ter demorado 5 minutos a ser substituido, incluindo simular lesão, entrega de braçadeira e aperto de mão ao duarte (que mais tarde, numa atitude nojenta recusou o aperto de mão do Gaitan)

3 comentários:

Vermelhusco disse...

As tuas cronicas sao fantasticas!

VHugo disse...

Está tudo muito bem explicadinho sim senhor, até o facto da expulsão do casaca.

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/10/nunca-pensei-dizer-isto.html

Anónimo disse...

Amiba...