domingo, 24 de abril de 2011

SLB 2-1 carpintarolas

Costuma-se dizer que quando a coisa está mal, até os cães nos mijam aos pés. Neste caso, quando a coisa está mal, até o Luisão faz auto golos. Em defesa dele deve-se dizer que, dado o tamanho da canela dele, ve-lo acertar tantas vezes com o pé na bola já é milagre. Para além que vista lá dos 3,54m de altura que ele tem, uma bola de futebol parece uma bola de ténis...e uma de ténis parece uma de golfe... e uma de golfe parece uma missanga... e uma missanga parece o cérebro do hulk.
Oficialmente ganhamos a Taça da Liga, oficiosamente ganhamos o troféu mais feio de que há memória. Uma taça preta... ou a liga também esta de luto pela verdade despoortiva ou alguém se esqueceu da taça no forno. Aquilo parece uma torrada feita por mim, quando meto o pão na torradeira e vou fazer a mijadinha matinal. A própria cara do Jesus quando se ouviu o apito final do proença disse tudo: primeiro ficou incrédulo, depois virou-se para o Raul José e disse: "bom, vai lá buscar as luvas para o Luisão agarrar aquilo". Agora vai-se ter de arranjar uma zona especialmente bem iluminada no museu, senão ninguem vai conseguir ver aquilo lá exposto. Já estou a ver pessoal a pedir o dinheiro de volta após visita ao museu "eu vim cá para ver a Taça da Liga 10/11 e não a têm exposta". (já agora vejam o PS no fim do texto).
Quanto ao jogo, gostava de agradecer aos nossos jogadores o facto de recuperarem o meu benfiquismo doentio. Na primeira parte vi o jogo a beber jolinhas e a comer amendoins, eu que durante os 90 minutos de jogo a única coisa que consigo digerir é sapos de cada vez que o Jara faz alguma coisa de jeito. Estava a ver o jogo como se estivesse a ver o "Sassaricando" ou a "Tieta do Agreste". Contudo na segunda parte a nossa malta conseguiu ir buscar o meu benfiquismo lá ao fundo e com 15 minutos de jogo já havia 1 garrafa entornada em cima da mesa e já eu tinha feito mais 4 inimigos no café por não parar quieto na cadeira em protesto contra tanto congelamento cerebral.
Depois de 45 minutos aceitaveis (se bem que só com 3 oportunidades de golo) entrecotadas pelo proença (parece aquela séria da Sony Entertainment ou da Fox "As parvoices do meu pai" mas troca-se o pai pelo árbitro), o SLB chegou ao balneario e trocou de equipamento.... não, esperem.... dizem-me agora que aquela equipa que encostou o adversario à sua área na segunda parte era mesmo o paços.... penoso sem dúvida. A não ser, claro, que o Jesus tenha mandado facilitar porque não queria levar aquela especie de taça para casa.
Resumindo e concluindo, lá limpamos mais uma Taça da Liga e devemos ressalvar a dignidade dos nossos jogadores, que não festejaram a conquista como se fosse uma Champions. Era esse o meu maior medo, mas eles demonstraram que têm noção da grandeza do clube e esse já é um ponto muito positivo. Do lado negativo, há a destacar o facto de os nossos jogadores cairem que nem tordos. Fisicamente estão mais rebentados do que um top model durante o banho colectivo numa prisão. Se antes era pelo excesso de jogos, agora que têm passado mais tempo no camarote certamente que o problema é a falta de ritmo, certo?
Uma palavra para os carpintarolas: depois de uma primeira parte em que se preocuparam mais em simular agressões e faltas e arranjar sarrabulho, na 2ª parte foram dignos vencidos (deve ser a primeira vez que elogio um adversario) e sem querer fazer futurismo nem mandar bitaites, parece-me que daqui a 1 ou 2 anos, quando o Jesus deixar o SLB, o Rui Vitoria deve ser um nome a levar em conta. É sempre bom ver treinadores com algum tipo de ligação ao Glorioso a brilhar na Liga, especialmente quando o fazem sem montar equipas enfadonhas que só procuram o empate. Bom, neste caso ele só pode ser levado em conta se prometer não querer levar consigo o ozeias e o cohene (já agora, é impressão minha ou o moicano do maycon parece peluche?), apesar que o cassio pode vir a interessar ao Jesus... tem mais de 1,90m de altura.
PS (o tal) - quando forem a Madrid, visitem o santiago bernabeu. Uma vez lá dentro, vão à sala dos troféus. Quando lá chegarem, virem-se para o segurança e perguntem: "qual destas taças dos campeões é a de 62?# Eu fiz isso e deu para rir o resto do fim de semana.

2 comentários:

Carlos Alberto disse...

O cerebro do Iulki é um mito, tipo monstro do Lago Ness ou um grande clube chamado Sporting!

MAFARRICO disse...

Tivesse o corrupto assinalado o penalti sobre o Saviola, e oa CRAPINTEIROS,teriam levado meia dúzia nde mesinhas de cabeceira.
BENFICA SEMPRE