domingo, 22 de janeiro de 2012

SLB 3-1 galitos

1. Depois de uma semana a escarnecer da marta rebelo, vem o Cardozo e dá-lhe razão para algumas das criticas: fez só um treino desde o jogo com os cocos frrritos e marcou um golo de cabeça.... preguiçoso? Confere com regulariadade... cabeçudo? Confere sempre... caprichoso? Confere irritantemente... goleador? Confere para azia de muitos.

2. Rodrigo continua a marcar golos como se não houvesse amanhã e agora até já vê amarelos por protestos para com decisões arbitrais. Começa a abrir caminho para se tornar no próximo ódio de estimação da marta rebelo, sendo que não tenho dúvidas que ele tem noção disso e portanto tentou acertar com um balrroaço do camandro no Jesus para ver se atenuava o ódio da martinha. Aliás, o Nolito, avisado para o facto da menina não ser admiradora de goleadores com pêlo na venta, hoje tratou de andar calminho e fez questão de não mandar uma chouriça lá para dentro.

3. Uma vez mais o SLB sofreu um golo em casa (para o campeonato só não sofremos golos naquele jogo que perdemos com uma vitória de 1-0). Proponho que a partir do próximo jogo o nosso adversário comece o jogo logo com vantagem de 1 golo, até podem escolher a que jogador querem que o golo seja averbado. Partimos logo daí e poupa-se tempo em saidas de bola a meio campo que nos fazem perder, bem à vontade 1 a 2 minutos, tempo suficiente para fazermos 2 golos, como se viu hoje.

4. O SLB é, seguramente, a equipa no Mundo que mais golos bonitos sofre. Contra nós qualquer laionel ou galo manda um pirolito do meio campo e mete a bola na gaveta. Só falta mesmo o Cardozo mandar uma bomba à barra da baliza do adversário e o esférico entrar directamente na nossa ou então um árbitro marcar-nos de pontapé de bicicleta.

5. Jorge Jesus antes do jogo pedia para a equipa jogar com intensidade e dar espectaculo. Não quero ser convencido, mas na equação "equipa/eu", durante os primeiros 73 minutos, só eu é que tive muita intensidade e espectacularidade, no caso da primeira foi a roer as unhas, no caso da segunda foi a atirar-me ao chão e a meter as mãos na cabeça de cada vez que os galitos passavam do meio campo.

6. O treinador e o presidente dos barceleiros queixaram-se do árbitro por causa da falta do 1º golo. Na minha muy singela opinião eles deviam-se era ter queixado do jogador que cometeu a infracção: que necessidade tem alguém de fazer falta para parar o Emerson? Pior que isto só se no próximo jogo alguém se lembrar de fazer uma falta para parar a prostituta uruguaia gorda.

7. Gaitan voltou a jogar com a vontade do costume. Aliás, joga com tão pouca vontade que é o jogador que melhor reage a substituições no plantel do SLB. Nunca reclama o rapaz. Hoje por acaso, quando subiu a placa com o seu número notei-lhe um certo esgar de insatisfação e o murmúrio "só agora? Estava a ver que não... espero ainda chegar a casa a tempo de ver o programa do goucha e da histérica".

8. Vi o jogo num stream com comentários em francês. Posso dizer que fiquei extremamente agradado de ouvir comentários numa lingua que eu percebo residualmente. Fiquei inclusive tão agradado que no próximo jogo em streams vou procurar um alemão e no seguinte um em aborígene. Não ouvir patetices dá um ar muito mais didáctico ao jogo.

9. Tem que ser feita qualquer coisa para proibir oleosidades de cabelo nos jogos de futebol. Aquele claudio tinha tanta gosma naquela gadelha que a bola cada vez que era cabeceada por ele parecia que tinha caido dentro de uma terrina da Castrol. Gostava de saber o que é que a mãe dele dizia daquele cabelo se o visse. Ainda por cima o tipo é igualzinho ao delson, esse mitico expõe-tibias do futebol lusitano.

10. Nós sabemos que é um aborrecimento do caraças ter que defrontar jogadores como o Aimar, mas... ele estava todo preso por arames em saragoça e ninguem o queria... é certo que não somos a Santa Casa mas também somos de Instituição de Utilidade Pública, pelo que tmeos que ajudar os menos afortunados. Na realidade, por termos que ajudar os menos afurtunados é que hoje só utilizamos o Pablito na 2ª parte... não quisemos moer muito o jkuizo ao fiusa, homem pouco afurtunado... em termos de classe.

11. Como diria aquele grande mago da comédia e principe honorário da fina ironia: gostei muito daqueles 20 minutos em que os nossos adversários festejaram e estiveram felizes...

7 comentários:

Bcool973 disse...

hoje não gostei. estava para fazer a pergunta mas já me a respondeste. sem barrinhos, só streams ?

Bcool973 disse...

PS - acho que o artur não pode desfazer bolas para aquela zona senão arrisca-se. se fosse a roberta, caíam-lhe todos em cima

Constantino disse...

bcool,

Continuo a minha luta quase diária com o sr. joão para começar a abrir o cafe ao domingo. Não entendo como fecha em dia de jogo do SLB. Já vi jogos no Texas, no Bolo Rei, na Adelaide e nas 3 Sobreiras e, infelizmente... não tenho educação suficiente para estar nestes espaços publicos.

PS - o Artur acha que os jogos do SLB são calminhos o suficiente pelo que da-lhe gosto aumentar o ritmo cardiaco dos adeptos.

Abraço.

Anónimo disse...

(PENAJ) Boas Tino! Também segui no canal Franciú!...adorei pá! Aquele comentário fino de "badadi dadadon çá vá...oui! oui! Luisão (sotaque tuga)... droit au but, çá vá, comme vá tu, Artur Morais (sotaque Tuga) ..." é de cagar a rir meu! P.S. Lá fui votar mas tá difícil...nem o gordo vai à baliza ;-D ...este ano blogs é prós lagartos!

Constantino disse...

PENAJ,

Se há coisa que me traz nostalgia é ouvir "c'est but... but du Benfica..." Traz-me smepre à memoria os comentarios da TV francesa no golo do Vata "oulala c'est la man... la man de Vata..." (o primeiro a corrigir o meu francês é um merdas de proporções biblicas)

Abraço

Unknown disse...

Vá lá... não estiveste muito longe... só te faltou o i em "main".

PS: Chama-me Caim

Anónimo disse...

(PENAJ) ...momento nostálgico? Bem, era a passagem da década de 80 para 90, eu ainda fumava!...azar do carago, já não tinha cigarros e apenas um cinzeiro cheio de picas ("pontas" dicionário LX-Tripas)...tava 0-0 e o jogo a acabar. Bastava um golinho...sim, um golinho! (lá tínhamos perdido 1-2). Desembrulhei carinhosamente um cigarro bem amachucado e acendi! Pensei para mim mesmo na solidão da sala de jantar...ouço só o caralho do canto e apago o rádio!... e Valdo dirigiu-se para a esquina do campo, o resto vocês sabem!...